.. // Sobre a Bicicletaria

Desde 19 de agosto de 2011.
Patrícia Valverde & Fernando Rosenbaum
Rua Presidente Faria, 226 – Centro, Curitiba – PR, 80020-290, Brasil
(ao lado da UFPR Santos Andrade)
Telefone: (41) 3153 0022

A Bicicletaria Cultural está localizada no centro de Curitiba e por 4 anos, é um empreendimento de apoio ao ciclista urbano em suas necessidades, serviços e informações. Soma-se ainda aos aproximadamente 200m² uma efervescente agenda cultural contaminando diferentes públicos e integração de propósitos. Tem gestão privada e corresponde ao amadurecimento da prática e se desenvolve com a revelação de suas potencialidades em rede. É premiado nacionalmente por promover a mobilidade de bicicleta e mundialmente como um empreendimento social e inovador. Pautam por ações que prezam a escala humana, a parceria local, a economia criativa e processos qualitativos. Em relação ao endereço que estão instalados, são o berço do pensamento da ocupação da região e atuais gestores da agenda da Praça de Bolso do Ciclista.

A BC é junção de vários enlaces, a começar pelos idealizadores Valverde e Rosenbaum que instauram um ambiente dinâmico e familiar. Outra é de sua equipe de colaboradores que são os pilares de toda a engrenagem idealista e operacional dessa empreitada e ainda, os enlaces de grandes parceiros. Entre eles tem sede no mesmo endereço a Associação dos Ciclistas do Alto Iguaçu, que trabalha de forma mútua e complementar desde o início de ambas instituições, com objetivo de ampliar uso da bicicleta como veículo urbano de forma representativa nas esferas de políticas públicas, somando ainda ativistas e técnicos ao perfil de público frequentador da BC, que, na maioria, são artistas e ciclistas em geral. A Farol Galeria de Arte e Ação Contemporânea tem seu acesso pelo pátio a céu aberto, promove mais uma esfera de contaminação de públicos com a difusão da produção artística local, colabora de forma ímpar ao desenvolvimento da gestão criativa da BC ao contextualizar uma galeria de arte e a cultura da bicicleta. Muito importante é portanto a capacidade de repensar o mercado das artes de forma criativa, que com a série LeilãoShow, valoriza e aproxima a oportunidade de aquisição de obra de um artista.

Na mesma linha de parceiros, está p.ARTE – Mostra de performance de arte, ação idealizada por Patricia Valverde junto ao Fernando Ribeiro, incubada desde 2012 com 2 apresentações mensais/edição de forma autônoma. A permanência e documentação (foto e video) faz da p.ARTE, uma referência em performance artística no Brasil e no mundo, inclusive gerando repertório ao público curitibano e intercâmbio entre artistas brasileiros. Todas as edições aconteceram na Bicicletaria Cultural e estão registradas no site p-arte.org

O mais recente parceiro é Mago Jardineiro, cuja equipe trabalha com paisagismo e conhecimento biodiverso nas plantas que recepcionam o público logo na rampa de entrada, tornando o ambiente convidativo e em contraste com a aridez do centro urbano. Ali são comercializadas plantas, cursos e informações de bem estar e jardinagem urbana.

Também são nossos parceiros: a Fundação Cultural de Curitiba, lembrando pela ação mais recente no dia 28 de março de 2015 que celebrou conosco o aniversário da cidade com um show gratuito de Jesse Harris (músico premiado com Grammy/03) e, a Bienal Internacional de Artes Visuais de Curitiba/ Instituto Paranaense de Arte, o maior evento de artes da cidade que apostou na Bicicletaria Cultural antes mesmo da inauguração, ao sediar o treinamento de mediação com artistas, estudantes e equipe do programa educativo nas salas então cruas e de tintas frescas. Tal parceria continua se desenvolvendo pelas edições seguintes promovendo monitorias sob bicicletas, intervenções artísticas e espaço expositivo.

Podemos ainda destacar os enlaces com a Associação dos Empresários do Centro Histórico (membro fundadora), Colégio Medianeira (tornando a BC um sítio pedagógico c/visitas e atividades anuais com os alunos), Instituto de Energia Humana (reuso de sucatas de bicicletas), Dentro d´Agua (confecção e produtos esportivos), UFPR/ Ciclovida,(relação com a universidade) Az Encontrada (grupo de estudo), MTD Cerveja (produtos artesanais), etc.

A rede se estende também na esfera internacional devido ao reconhecimento pelo empreendimento eco social e de inovação para espaços urbanos dado pelo Instituto da Suécia e Munktell Science Park – agentes incubadores de start ups, de relações internacionais e de fomento a programas de responsabilidade ambiental. Este concurso chamado Smart Living Challenge/2014 http://2014.smartlivingchallenge.com/ideas, abriu as inscrições em 3 categorias (eat, live, move) e selecionaram as 15 melhores idéias do mundo. Premiaram com workshops (pitch, design thinking,…), visitas extraordinárias (Museu Novel, Jantar Nobel, casa das máquinas do Palácio, “angel-investors”) e, eventos para ampliação de rede durante 12 dias em diversas cidades da Suécia. Já na América Latina, o III Fórum Mundial da Bicicleta/2014 trouxe cerca de 3mil pessoas entorno da programação organizada pela Cicloiguaçu e com ações sediadas na BC. Foram mais de 20 estados brasileiros presentes e ao menos 10 países diferentes participando com alguma ação. Em seguida, o IV FMB/2015 foi para Colômbia e em 2016 será em Santiago/Chile.

Durante 4 anos a Bicicletaria Cultural ampliou, se equipou, gerou impacto na região que está instalada e é referência nacional como empreendimento privado para a cultura da bicicleta. O Brasil é atualmente o 3º maior produtor e consumidor de bicicletas no mundo, mesmo assim, se analisarmos o tamanho do país e capacidade percapita do uso desse modal, podemos pensar em maiores avanços. É sim, promissor e já está valendo a pena!

]

7 comentários a “.. // Sobre a Bicicletaria”

  1. Olá,

    Gostaria de saber sobre o Curso de mecânica de bicicletas no dia 31/03/12

    Das 14h30 as 16h30.Quais o itens que serão abordados no curso?

    Qual o nível (Mecânica básica, intermediária ou avançado)?

    Obrigado,

    Augustinho

    1. Olá Agustinho, neste dia o curso pretende fazer uma revisão simples assistida. Isso envolve centragem de roda, regulagem de freio e des/montagem a bike.
      Nível de mecânica simples, vc pode trazer a sua bike para essa revisão ou fazer simultaneamente na sua e daí, traga suas ferramentas, se tiver. Valeu!!

  2. Olá,

    É possível participar do curso de mecânica de bicicletas, mas não do almoço? Qual seria o valor? Que horas começa o curso?

    O curso normalmente é oferecido em outras datas ou somente no último sábado do mês?

    Agradeço,

    Rodrigo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Celebrando boas idéias para o cultivo de um corpo social

%d bloggers like this: